É difícil imaginar, mas o Raimundos trocou as guitarras pesadas pelos violões. Por volta das 21h45 do último sábado (06), a banda subiu ao palco do Teatro Bradesco para o show de lançamento do seu novo disco acústico, que foi gravado em Curitiba, em novembro do ano passado.

IMG_0466

Este disco será mais um marco na carreira da banda. Após passar um período turbulento, a banda foi se reerguendo aos poucos, conquistando novos fãs e mostrando aos antigos que ainda está mais viva do que nunca. Em relação ao acústico, com certeza houve um minucioso trabalho para transformar músicas rápidas e pesadas em arranjos de violões, teclados, metais, percussão e até sanfona.

No show, a banda mostrou mais uma vez que não vive de passado e explora na apresentação todas as fases da carreira. Inclusive, um dos destaques ficou para “El Mariachi“, do disco Kavookavala (o primeiro inédito após a saída de Rodolfo), que ganhou uma bela versão mais lenta com um toque de ska. Outra surpresa foi emendar o clássico “Monkey Man“, do Toots & The Maytals (mas que ficou eternizada pelo The Specials), em “O Pão da Minha Prima“.

O show ainda contou com I Saw You Saying, Bonita, Rapante, Palhas do Coqueiro, Papeau Nuky Doe, Baculejo, Mas Vó, entre muitas outras. Em determinado momento do show, Digão anuncia um convidado bem especial: Fred Castro, batera da primeira formação da banda foi ovacionado e teve seu nome gritado pelo teatro lotado. Caio, atual batera, deu lugar a Fred para tocar Selim e Cintura FinaMarcão, guitarrista do Charlie Brown Jr., acompanhou a banda durante todo o show e também foi homenageado por ela, que fez um belo cover de Lugar ao Sol.

O show foi encerrado com o trio Puteiro em João Pessoa, Esporrei na Manivela e Eu Quero Ver o Oco, que contou com Fred novamente nas baquetas para encerrar a noite com chave de ouro.

Analisando pelo olhar de fã, a banda cumpriu muito bem seu papel de explorar todos os discos no acústico, mesmo com algumas músicas que já poderiam ter saído do repertório e dado lugar a outras. Analisando criticamente, fica aquela falta de ter trabalhado um pouco mais na trinca final, pois, basicamente, só trocaram as guitarras pelos violões, mas nada que perca o charme.

O show original contou com participações de Marcão (Charlie Brown Jr.), Fred Castro, Oriente, Dinho Ouro Preto, Ivete Sangalo, e Alexandre Carlo (Natiruts). O CD e DVD chegam às lojas em maio e, com certeza, vale a pena conferir este registro.