De: 07/04/2017

Horário: 21h00

Local: Espaço Cultural A Próxima Companhia

Endereço: Rua Barão de Campinas, 529, Campos Elíseos - São Paulo

Entrada: R$20

Classificação: 14 anos


Estreou no dia 31 de março o espetáculo “Quarança”. O espetáculo, fruto de uma parceria com a Unaluna –  Pesquisa e Criação, propõe uma reflexão sobre a violência contra a mulher.

Espetáculo Quarança - foto 7 - Adriana Nogueira

A palavra “quarança” vem do verbo “quarar a roupa”, do regionalismo brasileiro, que significa clarear a roupa pela exposição à luz do sol. Da mesma forma, o espetáculo “Quarança” expõe à luz do teatro questões referentes à opressão feminina em nossa sociedade, tais como o estupro, o feminicídio, a pedofilia e o controle do macho sobre a mulher, seja ela criança, adulta ou idosa. Tais questões são estendidas à luz de “Quarança”.

 

“Quarança” é uma fábula dramatúrgica que conta a história de Alereda, uma cidade fictícia onde o sol é insistente e a terra, esturricada. Alereda é feita de caminhos estreitos, uma trama de vida e morte. Ocupada por um exército de jagunços, liderados pelo temido Sô Déo, o lugarejo tem suas mulheres violentadas, mortas e, uma a uma, quaradas ao sol, veladas sem lua, extintas, carbonizando o chão.

A peça, que é exibida toda sexta, sábado e domingo, fica em cartaz até o dia 21 de maio. Não parca!